MDS libera verba para estoque de leite

Postado em 14/11/2017

O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) anunciou que vai liberar R$ 12 milhões para formação de estoque. A ideia é tirar um pouco de leite do mercado para equilibrar a oferta, mas o valor não deve ser suficiente. A intenção é enxugar o mercado para que o valor pago aos pecuaristas reaja com a aplicação desse dinheiro. O receio, porém, é que isso não surta o efeito esperado, já que o montante deverá ser muito menor do que foi pedido pelo setor produtivo.

Ao invés dos R$ 700 milhões requeridos, o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) deve liberar apenas cerca de R$ 12 milhões. "Não é muito recurso, é dentro da nossa realidade. Mas qualquer coisa que se fizer ajuda. O presidente (Michel Temer) já determinou que seja feita uma avaliação, que começa com o ministro Blairo, vamos conversar e levar ao presidente para tomar uma decisão.

No ministério, a gente tem alguns recursos que podem ser usados de forma emergencial, mas são recursos num valor ainda muito menor do que estava sendo solicitado. Até a semana que vem nós vamos ter uma notícia boa para dar", disse Osmar Terra, ministro do Desenvolvimento Social.

O MDS deve repassar o dinheiro para que a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) faça as compras. Apesar disso, o ministro admite que as novas importações de leite em pó do Uruguai também podem atrapalhar a reação do preço interno. "Não adianta a gente colocar recurso e desaparecer. Tem que ser recurso que realmente ajude a melhorar o preço. Agora vai depender do volume que vier de fora". 


Fonte:Portal DBO